Geral

A reforma da segurança social: o que acontece após a aprovação do texto na 1ª ronda na Câmara? – Notícias – R7 Brasil

A câmara durante a discussão sobre a reforma do fundo de Pensões, na terça-feira (9/7); no caso de a alteração da constituição, o texto deve passar por duas votações nas duas casas do legislativo-BBC NEWS do reino unido

Na sessão Plenária da Câmara dos Deputados aprovou, na noite de quarta-feira (10/7), com 379 votos a favor e 131 contra, o texto da reforma da Previdência, projeto prioritário do governo de Jair bolsonaro.

No texto, tal como foi aprovado na comissão especial da Câmara, de estabelecer idades mínimas para a aposentadoria para a maioria dos trabalhadores do Brasil, tanto no privado como no público (serviço de 62 anos para as mulheres e 65 para homens), e fornece regras que devem resultar em uma diminuição no valor das pensões dos civis, entre outras alterações.

Mas com a passagem desta noite de quarta-feira na primeira rodada, é um dos muitos passos por que a reforma ainda está para vir no Congresso -, além da revisão da estrutura de tópicos do projeto é dada pelas bancadas da Casa, o que acontece após a votação do texto.

A seguir está um breve resumo dos passos a seguir para o sistema de pensões, o brasileiro pode (ou não pode), na verdade, alterada:

1. Uma nova votação no plenário da Câmara:pois é, uma proposta de emenda à constituição (PEC-6/19), e a proposta de alteração do plano de Previdência, você precisa passar por duas votações na casa, em todos e em cada um deles, é necessário ter os votos favoráveis de pelo menos 3/5 dos membros (na prática, um 308, de um total de 513 deputados).

Em teoria, seria necessário esperar cinco sessões legislativas para voltar para a votação do texto, mas como eu disse, o presidente do conselho, Rodrigo Maia, e antes da primeira votação, se não foi uma “grande vitória” na primeira votação, seria possível obter “mais apoio político para acelerar o processo.

O governo está negociando para uma segunda votação para ocorrer até sexta-feira (12/7). Alguns membros do parlamento prevê que a discussão foi ampliada para sábado.

Na segunda rodada de discussões, é possível que haja mais alterações no texto da reforma.

Se o projeto for rejeitado, ele é demitido. Se for aprovado, é encaminhado para discussão no Senado. A aprovação do mesmo, na câmara e Senado, e permite que ele seja totalmente deliberado, BBC NEWS, do reino unido

2. Processo no Senado:ao contrário da casa onde o texto da política foi revisada por uma comissão especial no Senado, ele vai apenas pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ), onde é verificado se a reforma que está de acordo com as disposições da Constituição, antes de ir para o chão da Casa.

Se for aprovada por maioria simples de votos na CCJ, em seguida, a reforma vai para votação no plenário do Senado.

3. Os votos dos senadores: a proposta será votada em dois turnos na câmara e, em seguida, novamente em cada um e cada uma de suas sessões, você vai precisar de 3/5 dos senadores (ou o equivalente a 49) votar a favor do texto.

4. A promulgação desse ponto, tudo vai depender de como eles votam. Para ser promulgada pelo Congresso Nacional, e, portanto, dirigir-se a uma emenda à Constituição, a reforma precisa ser aprovada no Senado, e da mesma forma que ele foi aprovado pela casa.

Se o Senado aprovar apenas uma parte da reforma, é possível que apenas essa parte é transmitida. A parte que sofreu as alterações novamente e, em seguida, para a câmara dos deputados para nova votação.

Já, o texto aprovado pelo Senado, e é diferente do texto aprovado pela câmara, será necessário que este texto vá de volta para os deputados para ser revisto.

Ou, em outras palavras, é necessário que tanto a câmara e o Senado aprovar o mesmo texto para que ele se transformar em uma emenda constitucional.

De acordo com a Agência Câmara, se o processo em duas Casas não ocorrer dentro dos prazos necessários, é possível que a Pensão de reforma entrará em vigor nas duas primeiras semanas de setembro.

BBC Brasil – Todos os direitos reservados – É proibido qualquer tipo de reprodução, sem permissão prévia por escrito da BBC

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757