Geral

Cerca de 38% das entradas de Preparação, para evitar o HIV, que teve lugar este ano – Notícias – R7 Saúde

Loja, PrEP, é feita de anti-retrovirais Pixabay

Cerca de 38% de todas as pessoas que se inscreveram para receber a PrEP (Profilaxia Pré-Exposição), o tratamento preventivo com medicamentos anti-retrovirais antes da exposição ao vírus para prevenir a infecção pelo HIV ocorreu entre janeiro e maio deste ano, de acordo com o Ministério da Saúde. No método, o objetivo é conter a propagação da epidemia da doença.

Enquanto o tratamento é fornecido pelo sistema único de saúde-SUS (sistema único de Saúde), em janeiro do ano passado, e 11.034 de pessoas se cadastraram para o uso da PrEP. Deste total, 4.152 se inscreveram para participar deste período de tempo.

Leia mais: Fiocruz irá produzir uma cura para o VIH, o que deve melhorar o acesso

O PrEP é uma combinação de dois medicamentos (tenofovir e emtricitabina), que irá bloquear algumas das vias que o HIV usa para infectar o organismo. É gerida por um comprimido por dia.

Este tratamento preventivo é fornecido gratuitamente para os grupos que são mais vulneráveis à infecção do HIV, os homens gays e outros homens que têm sexo com homens (HSH), as pessoas transexuais, profissionais do sexo e casais sorodiferentes, de acordo com a pasta.

O que você deve saber: “o Vírus do HIV pode ser controlada pela discriminação”, diz ela, hiv / aids

De acordo com o Ministério, e outros critérios a ter em conta antes do final de Preparação, como o número de parceiros sexuais, repetidos episódios de doenças sexualmente transmissíveis (Dsts) e a utilização de outros métodos de prevenção.

Para obter PrEP, você precisa procurar um profissional de saúde que irá avaliar suas necessidades. Atualmente, a droga está disponível em 94 cidades e municípios em 22 Estados e o Distrito Federal.

Veja também: o Tempo de vida das pessoas que vivem com o HIV mais do que dobra no Brasil

A partir de 2007 até junho de 2018, tem sido relatado 247.795 casos de HIV no Brasil, 47,4% na região sudeste, para 20,5%, no Sul, 17% no Nordeste, 8% na europa e de 7,1% no centro-oeste.

Durante este período, 68,6% dos casos ocorreram em homens e 31,4% entre as mulheres. A proporção entre os sexos, até o ano de 2017, ele foi de 26 homens para cada dez mulheres.

A faixa etária mais atingida está entre 20 e 34 anos (52,6%).

O brasil tem o maior número de casos notificados de AIDS no mundo, um primo do HIV):

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757