Geral

“O desequilíbrio do clima, é agora, e para todos”, disse o chefe da ONU – Cidades – R7 Gazeta Digital

António Guterres, a Universidade das nações unidas Digital

O secretário-geral da ONU, António Guterres, reiterou o fato de que o mundo está enfrentando uma “grave emergência de um clima que está acontecendo agora, e para todos”. Ele disse, “a mudança climática é avançar ainda mais rapidamente do que o previsto pelo grande cientista e destaca os esforços para resolvê-lo.”

Leia também – GRAU esperado de um orçamento para, por EXEMPLO, para 2020, de 16% para mais

A declaração foi feita durante uma reunião sobre o clima, que acontece em Abu Dhabi, nos emirados Árabes Unidos, e é fechado na segunda-feira (1o). O chefe das Nações Unidas, destacou o fato de que a cada semana é uma nova devastação relacionados com o tempo, referindo-se a inundações, secas, ondas de calor, incêndios e tempestades.

“A resposta”

Guterres disse que o movimento para melhorar o clima de ação no mundo não é o bastante. E ele disse que esperava que a situação vai melhorar após a Cimeira, o Clima de Ação agendada para ter lugar em setembro, em Nova York.

De acordo com o chefe da ONU, “é a resposta. A primeira é que eles podem ser transferidos para o imposto sobre o carbono, para que se tributem a poluição, e não para o povo.”

Em segundo lugar, antónio Guterres defende que o fim dos subsídios aos combustíveis fósseis. Em sua opinião, “o dinheiro dos contribuintes não deve ser usado para o aumento de furacões, a propagação da seca e as ondas de calor e o derretimento das geleiras”.

Finalmente, Guterres defende que o objetivo da construção de novas centrais a carvão até o ano de 2020. Ele propõe que há lugar para uma “economia verde”, há uma economia cinza.” Ele é também a nova infraestrutura vai ser inteligente e clima favorável.

Energia sustentável

O secretário-geral disse que é necessário o fornecimento de energia sustentável, limpa e acessível para mais de 800 milhões de pessoas no mundo que ainda vivem sem acesso à eletricidade. A energia Solar é uma das áreas que deverão receber investimentos.

Guterees pedir-lhes para “rápida e profunda” na forma em que ele faz negócios, como ela é gerada, a energia, e como são construídos nas cidades e alimentado o mundo. O chefe das nações unidas, na última década, revelaram as ferramentas para fazer isso.

Ele fez um apelo a todos os líderes do governo e do setor privado, para apresentar planos para reduzir as emissões de gases de efeito estufa a 45% em 2030. Para mover-se nesta direção deve ter lugar durante a reunião de cúpula, em setembro, ou no mais tardar em dezembro de 2020. A ONU também quer alcançar a neutralidade de carbono até o ano de 2050.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757