Geral

O museu utiliza a linguagem das mídias sociais para atrair o público – Notícias – R7 Educação

A exposição tem selecionadas 40 obras do acervo do museu Não Museu Nacional de Belas Artes

A mistura da arte e a linguagem da mídia social aumentou em até 60% da visitação no MNBA (Museu Nacional de Belas Artes). A exposição às Seis da-Arte tem selecionadas 40 obras da colecção do museu, e marcou cada um de colocá-los com as palavras-chave usadas no aplicativo (Instagram, Twitter, Facebook) que são misturados a descrições de atos. O método que tem despertado a curiosidade dos jovens nas artes.

A exposição, que foi inaugurada em abril deste ano. Em maio, recebemos um 7.188 contador de visitantes 4.473, no mesmo período do ano anterior. O sucesso de público levou para a direção do MNBA para prolongar a exposição até fevereiro de 2020.

“As pessoas estão gostando muito dela, e vendo-a como algo leve e divertido. É muito importante para todos nós, e para o marketing do Museu de Belas Artes. Neste sentido, a campanha de Hashtags para a Arte dele é o suficiente para ser vitorioso”, disse ele à associated press, o assessor de Comunicação Social para o MNBA, Nelson Moreira.

A parceria

A campanha de Hashtags para a Arte que foi criada pela agência de publicidade NBS. De acordo com um levantamento do instituto brasileiro de museus Instituto Brasileiro de Museus), apenas 15,5% da população do país, visitou museus nos últimos anos. Por outro lado, o brasil é o segundo povo mais ligado ao mundo da internet e, em seguida, aqueles na china, de acordo com dados fornecidos pela empresa de consultoria, A

O assessor do MNBA afirmou que a exposição cumpriu sua missão de atrair um público jovem, cada vez mais conectados às redes sociais.

Um exemplo disso é a imagem que é datada de 1817, que mostra a Dom João VI aqui eu estou posando com o vestido bordado a ouro, que ele ganhou com as hashtags #lookdodia, #reidocamarote e mostrar-offs, entre outros.

“Esse era o objetivo do presente projeto. O que vemos é que os jovens continuaram a vir em grande número. Isso é muito bom para nós, porque ele é um dos principais objetivos do museu é realmente não só manter, mas também para buscar a renovação do público. Então, para nós, que se encaixam como uma luva nesse esforço do diretor, Monica Xexéu”, disse Kent.

A maior leveza do

A exposição às Seis da-Arte-inclui as 40 do clássico obras do acervo do MNBA. Walton não descartou que o seis pode ser postado em outros itens da coleção do museu, que tem mais de 70 mil peças, entre pinturas, esculturas, arte em papel, instalações. “É uma infinidade de itens, e a idéia é que, se podemos levar as pessoas a olhar para as outras bandas na nossa biblioteca”.

Com o auxílio dos meios de comunicação MNBA revelou que, em uma cena que se tornou comum nos últimos meses, é de notar que a maioria das pessoas que estão rindo, feliz, relaxado, à vontade na frente das telas que são colocadas no lugar. “Este é um reflexo de que a mudança no comportamento”, disse ele.

No início de tudo

Uma agência criativa, a NBS, Leonardo Konjedic, e é o criador da campanha. A ideia surgiu quando ele e o diretor de Arte da NBS, Roberto Ulhoa, que também, em suas pinturas, visitar o museu no ano passado.

“Ele chamou a nossa atenção para a repetição do comportamento que está acontecendo no Instagram-e que o museu estava mostrando as paredes. As pinturas eram do Instagram no passado, apontou Leonardo Konjedic.

Como uma brincadeira, e os dois começaram a configurar o paralelo entre os tipos de imagens de pessoas post no Instagram, com o tipo de pintura que está no MNBA e exibido.

“A coisa toda tomou uma rachadura na parte de nós e o que nos amadureceu a uma pergunta sobre a hashtag. Ele começou como uma brincadeira, quase, e ele foi ganhando a seriedade do compromisso que você tem uma maneira de ser mais acessível e fácil de explicar às pessoas o que elas percebem como complexo, isto é, a arte descrito Konjedic.

“Eu não acho que foi algo muito simples, mas que ganhou em tamanho e importância para o direito. Também foi divertido e, no final, o resultado foi muito bom, tanto para nós, no RN, bem como para o MNBA, como um cliente.”

Fundo

A idéia surgiu em outubro de 2018, e a primeira reunião do museu ocorreu em dezembro. Seguiram-se outras reuniões com o conselho de administração e o departamento técnico, para que todos os seis poderiam ser colocadas no contexto em obras.

“A partir da primeira reunião, e eles são muito receptivos.” A idéia de publicidade para o museu, fazendo uma mistura do antigo e do novo.

A exposição começou em abril de 2019. As Bandeiras foram colocadas na fachada do edifício do museu, acompanhados de um texto explicativo, no recinto da exposição.

Os comentários têm sido sempre positiva, na linguagem utilizada na tradução da história das obras de arte expostas nas paredes do MNBA de uma forma que é divertido e real”, disse o criador do projeto.

Para Leonardo Konjedic, intervenções, tais como a exposição às Seis da Arte e tornar a arte mais acessível e democrática. O site oficial do museu no Instagram, que ela saídas para o idioma de hashtags, o show tem registado um incremento de cerca de 150% em uma base de seguidores para seu perfil.

Na exposição, Seis das obras de Arte podem ser vistos pelo público a partir de segunda-feira a sexta-feira, no horário das 10 horas às 18 horas, e aos sábados, domingos e feriados, das 13h às 18h. O ingresso custa R$ 4 (meia-entrada) a R$ 8 (inteira-entrada). Aos domingos, a entrada é gratuita.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757