Geral

O relatório do acidente que matou o casal na 3ª Ponte, conclui-se que o driver não é refreada antes do acidente – Cidades – R7 Folha Vitória

Foto: Reprodução Da Folha De Vitória Folha Vitória

O relatório é emitido detalhando o acidente que causou a morte do casal, Kelvin Gonçalves dos Santos, e Brunielly de Oliveira, no dia 22 de maio, aponta que o advogado Ivomar Rodrigues Gomes, nenhuma chamada antes do acidente.

Analisando o percurso e a velocidade do veículo no momento do acidente, a perícia concluiu que não houve reação do Ivomar para notar uma motocicleta em frente a ela. O advogado, de acordo com o relatório, eu ainda estava na pista de 149 km / h e fez os freios no exato momento do acidente. De acordo com o especialista, era uma área de 41,38 pés para o fogo nos freios, no intervalo de 1 segundo para a conclusão.

Portanto, o árbitro cai para o funcionamento da lanterna traseira da moto como a causa do acidente. De acordo com o relatório, a causa imediata do acidente foi a falta de reação dos motoristas, e a alta velocidade em que Ivomar de condução.

O laudo pericial indicou ainda a presença de material orgânico, isto é, os restos dos corpos das vítimas, a Audi, o carro do advogado Ivomar Rodrigues Gomes. Assim, a polícia concluiu que ele é apenas um veículo para o advogado, ele bateu contra a cama. Foto: Reprodução da Folha de Vitória Folha Vitória por Kelvin, 23 anos Brunielly, de 17 anos, morreram no acidente

No corpo, em Kelvin, do perito encontrado contusões nas extremidades inferiores, o flanco esquerdo e região dorsal. No corpo do Brunielly foram localizadas fratura em membros inferiores. O relatório concluiu que a colisão causou uma ferida que feriu sua perna direita, que se estende na região das nádegas para a parte inferior das costas.

A dinâmica do acidente
O perito encontrou a motocicleta, que está na faixa da direita da Terceira Ponte. Ao olhar para as câmeras de segurança na ponte, e a perícia conclui que o Ivomar de condução na mesma faixa de rodagem. As luzes de freio da Audi foram acionados no momento do acidente. Por causa da velocidade, e o advogado não conseguiu parar e colidiu com a motocicleta em que ela estava na cama. Neste momento, a vítima foi jogado para a pista.

De acordo com a referência, o carro dirigido pelo estudante Internacional Ventirini, seguido pela faixa da esquerda. O perito não conseguiu identificar os sinais de um freio para evitar uma colisão. O carro, um aluno, um Toyota Etios, colidiu com a Audi, que é de 144 km/h Com uma batida, e o veículo que atingiu a motocicleta. Em seguida, o veículo girou, bateu-se o Audi novamente, e ele caiu em mediana na ponte.

Os drivers ainda estão presos

Ivomar Rodrigues Gomes, de 34 anos de idade, e Oswaldo Venturini Neto, de 22 anos, foi acusado por duplo homicídio, com dolo, eventualmente, no dia 31 de maio. Ambos ainda estão presos no Centro da Tela, Viana do castelo, desde o momento do acidente.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/raviera/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757